As contribuições de Canguilhem pra saúde e a medicina

As contribuições de Canguilhem pra saúde e a medicina 2

Qual é o motivo da saúde? De acordo com a Organização Mundial da Saúde, a saúde é um estado de bem-estar físico, mental e social completo e a falta de doenças, enfermidades e incapacidade. Existem definições diferentes e cada uma tem um sentido distinto para a saúde. Por aqui estão alguns exemplos de saúde e sua relevância. 1. A saúde é um agradável estado de espírito. 2. Bacana saúde pode melhorar a particularidade da vida de alguém. 3. Legal saúde é um indicador vital do progresso de uma nação. Um outro ambiente interessante que eu amo e cita-se sobre o mesmo conteúdo neste blog é o website alergista https://brasilsemalergia.com.br. Pode ser que você goste de ler mais a respeito nele.

Canguilhem

As contribuições de Canguilhem pra saúde e a medicina foram extensas. Ele acreditava que a medicina conceitual explica fatos e maneira teorias práticas. Sua abordagem foi baseada no estudo da história e patógenos infecciosos, o que levou a novos programas de tratamento. Ele bem como enfatizou a observação do discernimento médico e do desenvolvimento de novos conceitos. Ele viveu uma vida longa, e tuas contribuições pro estudo de saúde e medicina ainda são consideráveis hoje. Aqui, exploramos novas de tuas contribuições mais interessantes.

Georges Canguilhem era um filósofo do século XX que estudou pensamento e prática coletivos. Seu trabalho abrangeu biomedicina, política e ética. O ensaio de Canguilhem traça a história do estudo de saúde e doença e demonstra sua clareza dessas áreas. Seus escritos ainda são sérias hoje em razão de desafiam nossas noções de normalidade e saúde. E, dessa forma, devemos reconsiderar o que consideramos normal.

Filósofo francês, o trabalho de Georges Canguilhem vem sendo influente em cuidados de saúde e medicina. O trabalho do filósofo francês do século XX é considerado uma ponte entre política e medicina. Ele destaca a indispensabilidade de agrupar dúvidas sociais e médicas. Um dos pilares organizadores de Canguilhem é a função da regulação. O papel da regulamentação nos cuidados de saúde é um ótima modelo disso. Canguilhem assim como era médico e ativista social.

O livro de Canguilhem relaciona seus compromissos com a justiça à pergunta do que constitui “justiça”. Ele vê a justiça como uma forma de superior saúde trans-orgânica e necessita de intervenções mais concretas nos tópicos políticos contemporâneos. Seus escritos sobre a instabilidade de 1958 ilustram a centralidade da impossibilidade da justiça e a existência do colonialismo. Este livro é uma leitura primordial para estudantes de Canguilhem e todos aqueles que se preocupam com a saúde.

E também publicar o normal e o patológico, Canguilhem bem como escreveu “a máquina e o corpo humano”. A última fazia porção da série “Incorporações” editada por Jonathan Crary e Sanford Kwinter. Outros trabalhos renomados ​​incluem “um racionalista vital” (livros de zona), “conhecimento da existência” e “escritos sobre medicina”, que foram traduzidos por Stefanos Geroulanos.

Embora Canguilhem não tenha antecipado a saúde pública, tua análise do motivo da frase “público” tem implicações essenciais para o campo da medicina social. O conceito de saúde pública tem tuas raízes pela medicina social, que surgiu entre as lutas mundiais. Seus profissionais incluíram médicos como Iago Galdston e John A. Ryle. Ao fazer uma discernimento entre saúde e doença, podemos captar superior o conceito. Eu não poderia esquecer-me de apontar um outro web site onde você possa ler mais sobre, talvez agora conheça ele no entanto de cada maneira segue o link, eu amo bastante do conteúdo deles e tem tudo haver com o que estou escrevendo por esse post, leia mais em Alergista no Rio de Janeiro.

Continue tua busca por mais artigos relacionadas:

Basta clicar para fonte deste conteúdo

recomendado